quarta-feira, 17 de junho de 2015

Dicas pra quem vai viajar pra Portugal!

Acabei colocando em vários posts dicas sobre Portugal, bem como sobre as viagens de carro que fizemos partindo de lá. Então, abaixo, consolido tudo:

- Melhores restaurantes do Porto - clique aqui;
- Top restaurantes Coimbra, Mealhada e Cascais - clique aqui;
- O que fazer com crianças no Porto - clique aqui;
- Viagem de carro: Chegada no aeroporto Sá Carneiro - clique aqui;
- Viagem de carro: Como organizar tudo e porta-malas - clique aqui;
- Viagem de carro: Roteiro de Portugal, Espanha e França - clique aqui; e
- Viagem de carro: Roteiros de 12 a 15 dias em Portugal -clique aqui.

Se alguém tiver dicas diferentes de hospedagem, roteiros, alimentação e tudo o mais, compartilhe com a gente!

terça-feira, 16 de junho de 2015

Viagem de carro pela Europa com bebê - Portugal - Cidadezinhas que conhecemos e valem a visita no eixo Porto/Lisboa.

Tirando as já conhecidas Coimbra e Fátima, no eixo Porto-Lisboa há diversas cidadezinhas que valem, e muito, a visita.

São elas, traçando um roteiro sentido Porto-Lisboa:
1) Braga - Guimarães (bate e volta do Porto ou hospedagem no local);
2) Santa Maria da Feira (bate e volta do Porto);
3) Coimbra - Fátima (hospedagem no local);
4) Batalha (manhã - caminho para Óbidos);
5) Alcobaça (manhã - caminho para Óbidos - almoço);
6) Óbidos (hospedagem num hotel da vila);
7) Évora (hospedagem em hotel vinícola da região).

Mapa extraído do Google Maps.

Portugal é um país excelente para se viajar de carro - as auto-estradas são maravilhosas, amplas e relativamente vazias (pensando na comparação entre o eixo Lisboa-Porto e o Rio-São Paulo, diria que são mais que vazias e sim desertas...). Primeiro que há mais de uma opção de estrada e segundo que nada elas têm a ver com a Dutra...(risos).

Bom, mas vamos começar pela região de Porto. Se sua base estiver lá, em menos de uma hora você pode visitar Braga/Guimarães e Santa Maria da Feira.

1) Braga - Guimarães - Na região existem dois santuários: o Bom Jesus e o Sameiro. Os dois santuários são lindos, no alto de montanhas. E a cidadezinha de Braga tem trenzinho para passear com crianças, bem como jardins LINDOS e pequenos restaurantes para um gostoso almoço (alguns inclusive se hospedam por lá):

Jardim de uma pracinha central.

Meu filhote correndo por lá, com cerca de um ano e meio.

Centrinho.


Fotos acima do Santuário de Braga. As abaixo são do de Sameiro.



No distrito de Braga há Guimarães - Lá há o Castelo de Guimarães, além de obras de arquitetura religiosa:

Foto de Marco Aldeia extraída da Wikipedia.


2) Santa Maria da Feira - lá há uma feira medieval super gracinha, num terreno onde há um castelo antigo no alto de uma colina (sobre o castelo, veja a página oficial aqui, com a história do lugar). Tudo é típico e personagens trajados como na época passeiam por entre os turistas. Aliás, você pode alugar as roupas e passear fantasiado por lá. A comida é bem original! O evento se chama Viagem Medieval e para consultar os dias e horários, clique aqui.




Olhem um sacerdote saindo pela porta... Parece assombração!rs

3) Passe em Coimbra e Fátima e hospede-se na região. Veja no link aqui os lugares para comer lá perto: experimente feijoada de camarões em Fátima, Chanfana em Miranda do Corvo e o leitão à bairrada na Mealhada.

4) Saindo de Coimbra/Fátima, passe por Batalha pela manhã - Mosteiro da Batalha:




Meu filho sentado no altar...

5) Saindo da Batalha, passe em Alcobaça, onde também há um lindo Mosteiro. Nessa pracinha onde encontramos o rei, há pequenos restaurantes e cafés para almoçar.


6) Hospede-se em Óbidos por 2 dias se chegar à noite, para garantir passar um dia inteiro no local, sem pressa e ir embora descansado no outro dia - é uma vila fortificada linda, com várias opções de hospedagem (eu escolheria ficar dentro da Vila e minha escolha seria a Casa das Senhoras Rainhas). Nas lojinhas tem artesanato e docinhos (os doces de aveiro - com gema mole dentro - são uma delícia). Passeando pela vila, há a opção conhecida do lugar de experimentar o licor de Ginja: "tome a ginja e coma o copo" de chocolate... HUMMMM





7) Saindo de Óbidos descansado, vá para Évora passar o dia - lá tem a Capela de Ossos. Esse, aliás, foi um dos passeios que mais me chocou. As paredes de uma capela inteirinha são ornadas de ossos... Com uma caveira inteira pendurada para "enfeitar"!!! Tive pesadelos à noite... Minha avó nem quis entrar e ficou na igreja "normal" ao lado... Se você é fã de comidas exóticas e gosta de escargots, experimente comer os "caramujos" da região.

Igreja normal ao lado.

Caminho para a parte dos ossos.







Frase mórbida da porta: "Nós ossos que aqui estamos pelos vossos esperamos"... CRUZES!!!


8) De Évora, você pode decidir ou se hospedar em Lisboa e continuar com os passeios de lá, ou testar os hotéis boutique com vinícola da região. Eu não consegui ainda, mas já pesquisei bastante e descobri o hotel L'AND VINEYARDS decorado pelo arquiteto brasileiro Márcio Kogan (AMO - ao lado de Isay Weinfeld e Bernardes, forma a trilogia top de hoje em dia na minha opinião). Lá fica o restaurante L'AND (veja aqui o link para o site do hotel) que dizem ser um dos melhores de Portugal. Alguém já foi?

9) Num outro post, conto sobre a Serra da Estrela e o hotel design que fiquei. É também um super destino em Portugal e dá até para brincar numa pistinha de ski se for no inverno, além de ter o melhor queijo do mundo!

EM RESUMO: Dica de roteiro de 12 dias em Portugal, saindo do Porto com destino a Lisboa:

Dia 1) Porto;
Dia 2) Braga - Guimarães (bate e volta do Porto ou hospedagem no local);
Dia 3) Santa Maria da Feira (bate e volta do Porto);
Dias 4 e 5) Coimbra - Fátima (hospedagem no local);
Dia 6) Batalha (manhã - caminho para Óbidos);
Dia 6) Alcobaça (manhã - caminho para Óbidos - almoço);
Dias 6 a 8) Óbidos (hospedagem num hotel da vila por 2 noites);
Dias 8 a 10) Évora (hospedagem em hotel vinícola da região por 2 noites - L'andvineyards).
Dias 10 a 12) Lisboa.


Se tiver mais dias, quando estiver em Coimbra experimente um pulo para a Serra da Estrela, no hotel design Penhas Douradas. Um arraso!

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Rancho Português - Um restaurante típico da terrinha aqui.

Amo restaurantes portugueses. Sou suspeita, aliás, por ser casada com um português. Mas sério, às vezes aqui no Brasil temos mais restaurantes de culinária portuguesa sofisticada, do que lá em Portugal propriamente dito. Amo o A Bela Sintra (aliás, vou postar fotinhos do meu niver por lá, que aconteceu em maio).

Bom, mas tudo isso pra dizer que fui ao Rancho Português. Consegui, finalmente. Foram 3 idas até conseguir, e desta vez aproveitei o feriado e fiz reserva antes. Reservei, inclusive, o prato que ia comer.

O Racho Português parece um clone do KM 53, que eu já adorava de paixão. Há um excelente bacalhau (e atendimento) por lá. Mesmo a entrada e a decoração são super semelhantes, com um mini mercado de produtos típicos logo na entrada do lugar.

O restaurante fica na Avenida dos Bandeirantes, 1051, pertinho da Jardineira Grill. Olhem só a foto da fachada, bem imponente em meio à avenida:

Foto do site oficial.

Bom, mas fomos lá buscando a promessa de comer um leitão à bairrada (feito na região da Mealhada), que eu A-DO-RO (quem leu aqui minhas dicas de restaurantes no eixo Porto-Coimbra falando sobre o Pedro dos Leitões?):

O couvert, simples, mas muito gostoso! 

O garçom que nos atendeu. 

"O" leitão. Crocante na pele e molhadinho na carne. E o Herbie do meu filho...

O leitão com suas batatas às rodelas.

Em resumo, sobre a comida em si, ela é muito saborosa. O couvert, apesar de simples, era muito bom - o pão bem fresquinho, o queijinho branco também. E o patê? Muito bom. Já o leitão estava delicioso - crocante e molhadinho. Só não vou mentir, pois continuo preferindo o Pedro dos Leitões (acho o de lá ainda mais molhadinho e mais temperado). Só que 7 mil quilômetros de distância não são tão fáceis de serem percorridos num final de semana. Então, pra quem não vai à Portugal, o Rancho Português é sensacional para provar a culinária típica sem "descolar" para lá (em Português de Portugal, nós não decolamos, mas sim descolamos... E nem aterrissamos, e sim aterramos...).

PS: Sugiro também a alheira de entrada!!! Hummmm. Essa sim, a melhor que já comi, inclusive contando as visitas às terras lusitanas.

Ah, as sobremesas. O cardápio é a própria bandeja, como acontece no A Bela Sintra, Trindade, Antiquarius (sobre este último, tem um post aqui)...


Provei um doce da casa (o da taça com farofinha de bolacha Maria em cima). Só que não lembro o nome!!! É demais, bem levinho e docinho. Parece um pavê. Bom demais.

A seleção de vinhos portugueses é ótima. Acompanhamos nosso almoço com um vinho do Douro...
Excelente.


PS1: O maitre, Francelino, é demais de atencioso.

PS2: Dica valiosa - onde comprar alheiras? Na feirinha da Vila Nova Conceição, que acontece na Diogo Jácome nas manhãs de sábado, há uma barraquinha de uma senhora portuguesa que tem alheiras e salpicão (na frente dos orgânicos do sítio). Seguindo um pouco, na barraca de um senhor japonês, costuma ter couve tronchuda nas épocas de páscoa e natal. Então, fica a dica!





terça-feira, 9 de junho de 2015

Las Vegas - II - Onde ficar. Hotéis. Compras de luxo. Outlets.

Para quem ainda não conhece Las Vegas para além de sua reputação de "sin city" ou "what happens in Vegas stays in Vegas" que até originou o filme "Se Beber não Case" (uma das minhas comédias prediletas), tem algumas coisinhas que você precisa saber para programar a sua viagem:

A - ONDE FICAR:
- Vegas acontece inteira em uma única rua - Las Vegas Boulevard, mais conhecida simplesmente como The Strip. Olhem no mapa que puxei do Google e vejam que os melhores hotéis ficam por lá:



Aliás, parece tudo pertinho, não é? Mas vão uns bons 15 a 20 minutos andando entre o Bellagio e o Venetian, por exemplo. E mesmo lá é complicado ter esse senso de distância, porque tudo é muitoooo grande, então a gente perde o parâmetro.

B - COMPRAS DE LUXO:
- Os top hotéis de Vegas têm cada qual o seu cassino e muitos têm shoppings. Mas não com quaisquer marcas... Se você gosta de luxo, vai encontrar Hermés, Louis Vuitton, Prada, Fendi, Gucci, Burberry e muito mais. A concentração principal dessas lojas está no shopping do Bellagio e do Aria (o deste último, no mapa, está sob o nome de Crystals).


C - OUTLETS:
- Las Vegas tem 2 premium outlets: um seria só continuar descendo no mapa para além da placa da Fabulosa Las Vegas que é ponto de parada dos turistas - o South e fica na esquina com a Warm Springs Road - e o outro basta seguir para cima na strip - o North e fica na 875 S Grand Central Pkwy.

PS: Se tiver que escolher um dos dois, escolha o North, que me pareceu bem maior - aliás, tem a loja da Spyder e lá você encontra roupas de esqui!!!

D - MELHORES HOTÉIS:
Considerando a Las Vegas Boulevard como destino, já que de lá, mesmo que andando bastante, você está no burburinho, onde acontecem os shows, as apresentações dos hotéis, etc, há algumas opções para hospedagem de luxo.

1) O mais novo é o Aria Resort, que tem o The Shops at Crystal que falei acima. É bem moderno, envidraçado. O único but é que ele não é temático como os demais, assim como acontece com o Wynn Encore. Parece um excelente hotel, mas mais com cara de comercial. Uma vez em Vegas, por que não entrar no clima? Fazendo pesquisa para primeira semana de setembro, que é o mês que costumo ir, o quarto mais simples sai USD 1,1k a semana.

Foto extraída do Google Maps, sem título ou sem autor indicados.

2) Minha opção: Bellagio. Acho que não tem para mais ninguém. Os jardins do hotel são de cair o queixo e alguns dizem que a manutenção é mais de USD 1 mi a semana... O teto é recheado de muranos e o show dançante das águas da fonte que fica na frente do hotel é demais (tentaram imitar aqui no Parque do Ibirapuera, mas não se compara). E pra quem fica numa das suítes com vista da fonte, o show fica lindo visto de cima, com a música saindo pela TV do quarto se sintonizada no canal do hotel. Além disso, essa vista ainda contempla o hotel Paris que tem uma mini tour eiffel... Nas mesmas datas , sai cerca de USD 1,2 k a semana o mais simples. Com a vista (que vale cada penny a mais), começa em USD 1,5k mais ou menos.



Um pedaço do jardim...

Folhas de outono de murano.

É no Bellagio que fica o show mais conceituado do Cirque Du Soleil: "O", interpretado na água.

3) Falando no filme "The Hangover", o Caesar Palace é um hotel bem temático romano. Ao lado do Bellagio, por fora, na minha opinião, é o mais bonito e suntuoso. Ainda não fiquei lá, mas é o meu próximo alvo (é possível escolher quarto com vista para o fonte do Bellagio e os quartos rococós devem ser o máximo). O shopping também é muito bom. Costuma ter os melhores shows de cantores de temporada (assisti Rod Stewart e amei! Mas tem Celine Dion, Elton John, etc...). O quarto mais barato para o mesmo período, é USD 2k a semana.



4) O queridinho dos brasileiros é o Venetian. E não é que lá dentro parece Veneza mesmo? Dá até para passear de gôndola e o céu é pintado de uma forma que parece que estamos ao ar livre. Há atores performáticos passeando pelo saguão... Ah, o Sushi Samba fica lá (dica - handroll (temaki) de quinoa...). O shopping é mais ou menos, com lojas bem mais simples. Mas fica na frente do shopping Fashion Show, que tem as lojas de departamentos americanas. Cerca de USD 1,9k a semana no mesmo período.

Um pedacinho da frente do hotel...

Isso é DENTRO do hotel... 


5 e 6) Bem mais simples tem o The Treasure Island (na frente tem um show de performance toda noite, com um navio pirata de verdade - USD 580 a semana) e o Mirage (hotel que tem o vulcão - USD 775).


Show dos piratas do Treasure.

7) Nada temático é o Wynn Encore, mas é luxuoso.

Uma opção bem low cost é o Stratosphere (que tem uma torre imensa de alta), bem longinho do burburinho, mas no final da Strip... Cerca de USD 450 a semana.

E - O QUE VESTIR:
Pensa numa cidade quente (já que é no meio do deserto)... Mas dentro dos cassinos, shoppings e hotéis, bem geladinha... Então complica. A solução que eu achei foi usar roupa de verão - rasteiras, vestidos e shorts, sempre saindo com um casaquinho ou pachimina... Nos shows você encontra de tudo, assim como NYC. Eu sempre fui mais arrumadinha (tipo sair para jantar no Brasil num restaurante simpático), mas tinha gente de tênis e shorts...

PS: Las Vegas tem excelentes restaurantes e shows!!! Mas isso é para o próximo post.